Albumina – Benefícios, Como tomar e Contra indicações

A albumina é um dos suplementos mais conhecidos entre os praticantes de musculação, isso porque ela é muito antiga e tem sua fama pautada desde o início das atividades do fisiculturismo. Além disso, a proteína do ovo como é popularmente chamada, é retirada da clara do ovo sendo um dos suplementos mais baratos encontrados no mercado.

Muito utilizada por atletas que buscam a hipertrofia e a recuperação muscular a albumina é uma das proteínas mais importantes encontradas no sangue humano, além disso, ela também está presente em alimentos de origem animal como: Frango, peixes, ovos e carne suína.

Sabendo da importância da albumina em nosso organismo, eu separei algumas informações importantes sobre suas funções, benefícios, como tomar, efeitos colaterais e contra indicações. Acompanhe:

albumina efeitos

Albumina – Funções

A presença da albumina em nosso organismo é essencial, ela está no plasma do sangue, é sintetizada pelo fígado, ela desempenha inúmeras funções importantes  no metabolismo, entre os principais estão:

  • Faz o transporte de substâncias e nutrientes importantes para nossa sobrevivência como: Bilirrubina não conjugada, cálcio, magnésio, hormônios lipossolúveis, ácidos graxos livres e hormônios da tireóide;
  • Controla o PH do organismo;
  • Faz a manutenção da pressão osmótica ( ajuda na circulação de minerais entre as células);
  • Essencial na manutenção e construção de músculos;
  • Combate radicais livres evitando alguns riscos de doenças;
  • É rica em potássio que ajuda e evitar câimbras e ainda colabora para um bom funcionamento cardíaco;
  • Possui ácido pantogênico, importante para metabolizar as proteínas, gorduras e carboidratos ingeridos;

 

Albumina – Benefícios

Diante de tanta importância para nosso organismo, a albumina só poderia proporcionar inúmeros benefícios para quem busca a boa forma, confira:

1- Aumento de massa muscular

A albumina é capaz de aumentar a capacidade muscular, por isso, inúmeros estudos mostram que ela é uma excelente opção para o ganho de massa devido as proteínas de alto valor biológico que conferem propriedades de reparação dos músculos após as atividades físicas.

Quando os músculos são regenerados após alguma micro lesão, eles se tornam maiores e mais fortes.

É importante citar que ela também tem leucina, esse aminoácido acelera o crescimento muscular e sintetiza rapidamente as proteínas após as refeições.

2-  Promove saciedade

Já é comprovado que o consumo de proteínas dá mais saciedade, isso porque o processo de digestão é mais lento e exige um gasto maior de energia do organismo. A proteína da albumina aumenta a saciedade e evita o consumo de alimentos em excesso sendo uma forma de inibir o apetite e ainda ajudar no emagrecimento.

3- Previne overtraining

O poder de recuperação e regeneração muscular da albumina ajudam prevenir lesões e o catabolismo. Já existem pesquisas que comparam o desempenho de atletas que usam albumina com aqueles que não utilizam, as diferenças em quem ingere a proteína é a melhora nos níveis de hemoglobina e testosterona, importantes para reduzir os efeitos nada favoráveis do overtraining e catabolismo.

4- Proteína sem lactose e com preço acessível

A albumina é livre de lactose e açúcares como outras fontes de proteína, para quem é intolerante  ou está buscando emagrecer é uma excelente alternativa. Além disso, não se pode ignorar o fato de que a albumina é extremamente barata, sendo um dos suplementos mais acessíveis para todos os praticantes de atividade física.

 

Albumina – Como tomar?

O suplemento de albumina é encontrado em forma de pó. Para reconstrução muscular é indicado o consumo após o treino. Deve ser diluída em um líquido frio, pode ser: Água, sucos, água de coco e vitaminas.

Algumas pessoas ingerem antes de dormir devido sua absorção mais lenta que vai assegurar a liberação de aminoácidos durante o sono e evita o catabolismo muscular.

Geralmente a quantidade diária é indicada no rótulo do fabricante, entretanto, o melhor horário e a posologia recomendada deve ser avaliada por um profissional nutricionista esportivo, pois é necessário analisar a alimentação individual de cada pessoa de acordo com o objetivo esperado.

 

Efeitos colaterais da albumina

A albumina é uma proteína natural oriunda do ovo, alguns dos seus efeitos indesejados estão relacionados a intolerância ao alimento como:

Sabor e aroma – Ambos não são dos melhores, por isso, muitas pessoas não conseguem ingerir a albumina. Alguns fabricantes já estão tentando colocar sabores para tentar disfarçar o cheiro e sabor forte de clara de ovo, mas essa não seria a opção ideal, pois essas substâncias podem prejudicar a performance nos treinos.

Para aproveitar os benefícios na integra, é melhor tentar disfarçar o sabor e aroma com sucos, canela,vitaminas, entre outras.

Aumento de gases – Esse é um dos piores efeitos colaterais. Alguns usuários relatam inclusive diarreias, é uma reação comum devido o fato do suplemento ter alto valor proteico.

Tem bastante sódio –  Quando consumido em excesso o sódio faz o corpo reter líquidos. É indicado que um ser humano consuma cerca de 2000 mg diários. A albumina possui 350 gramas de sódio em 30 gramas, é considerado um valor elevado levando em conta a quantidade necessária de ingestão para cada pessoa.

 

Albumina – Contra indicações

A albumina não pode ser consumida em excesso, alguns especialistas alertam para a saúde dos rins, esses cuidados são necessários com relação as proteínas em geral. Conforme citado acima, o ter de sódio é elevado, por isso, é importante ficar atento a quantidade diária para evitar retenção de líquidos e conseqüentemente a hipertensão.

A albumina não é recomendada para:

  • Hipertensos
  • Portadores de doenças renais
  • Gestantes e lactantes
  • Alérgicos ao ovo
  • Pessoas com problemas gastrointestinais

A melhor opção antes de consumir a albumina ou qualquer outro suplemento é buscar ajuda de um nutricionista esportivo. É importante realizar exames e fazer uma avaliação da saúde antes de suplementar.

 

Leia também:

Benefícios do chá de gengibre

Como fazer jejum intermitente 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *